Category Archives: Uncategorized

Guerreiras participate in Discover Football Women’s Rights Festival

1908121_1024938650864337_3872147280514452116_n

Após uma semana intensa de atividades: workshops, discussões, debates sobre igualdade de gênero no futebol, troca de experiências entre ativistas e jogadoras de diversos países, e um disputado campeonato, as Guerreiras se despedem de Berlim e retornam às suas casas com muito mais energia para continuar na luta pelos direitos das mulheres dentro e fora de campo. Obrigada pelo convite e organização desse lindo evento, DISCOVER FOOTBALL!

10547577_1024938877530981_3740503432307509187_n

11698668_1024938647531004_9184208596719022926_n

11704935_1024938850864317_4441154385919715250_n

10403213_1024938837530985_4104211146063283554_n

Museu do Futebol Abertura – São Paulo

O GuerreirasProject tem orgulho em ser parceiro na exposição “Visibilidade para o Futebol Feminino”! Venham conhecer mais sobre a história do futebol feminino e dessas guerreiras!

Convite Visibilidade

Huffington Post: 5 Amazing Ways Women and Girls are Breaking Gender Stereotypes Worldwide

The GUERREIRASPROJECT is honored to be highlighted as one of the “5 Amazing Ways Women and Girls are Breaking Gender Stereotypes Worldwide” in the Imagining Equality’s online media project- AND covered in the Huffington Post!

Screen shot 2014-11-16 at 10.00.20

Jornada de Administração Pública

Words by Joanna Burgio
Photos from Jornada de Administração Pública

10647015_1539747782929327_4066135728871207410_n

Ana Matos Thais, Joanna Burigo, Beatrice Gregory and Ana Thais

On 22 October the GuerreirasProject took part in the “Jornada de Administração Pública” (Public Administration Conference) at the FGV (Fundação Getúlio Vargas). The event, planned and run by students, aimed to broaden the discussion about issues unexplored in the institution’s formal curriculum, so as to encourage the formation of public administrators who are more aware of the different facets of the Brazilian and global realities. We were there for the debate “Women in Sport “, organized by CANDACES – de university’s feminist collective. The round table, chaired by Ana Matos Thais , journalist of Radio Globo, was also composed of our very own Joanna Burigo, as well as of Beatrice Gregory, General Coordinator of the Working Women’s Rights SPM – PR, and Ana Moser, former Brazilian volleyball goddess and part of the team that brought back to Brazil our first Olympic medal in the modality. The interesting debate about inequality of opportunities in sports for men and women, which began with a round table and then opened to audience questions, addressed profound issues that permeate this problem – the roots of these inequalities – and its main objective was to discuss, with students, how policy can be designed to circumvent, specifically, gender issues.

1907908_1539747616262677_853413859366782717_n

No dia 22 de Outubro o GuerreirasProject participou da Jornada de Administração Pública da FGV. O evento, idealizado e concretizado por alunos, tinha como objetivo ampliar a discussão de temas pouco explorados no currículo formal, de maneira a formar Administradores Públicos mais conscientes das diferentes facetas das realidades brasileira e global. Nossa participação se deu no debate “Mulheres no Esporte”, organizado pelo CANDACES – o coletivo feminista da instituição. A mesa, coordenada por Ana Thais Matos, jornalista da Radio Globo, foi composta também da nossa Joanna Burigo, alem de Beatriz Gregory, Coordenadora-Geral de Direitos do Trabalho das Mulheres da SPM-PR, e Ana Moser, deusa do vôlei brasileiro e parte da seleção que trouxe a primeira medalha olímpica da modalidade para casa. O interessante debate sobre desigualdade de oportunidades no esporte entre homens e mulheres, que começou com uma mesa redonda e depois abriu questões para a audiência,  abordou questões profundas que permeiam este campo – como as raízes destas desigualdades – e 0 principal objetivo era discutir, com os alunos, como as políticas públicas podem ser desenhadas para contornar problemas de gênero.

GP on the Stream

Bildschirmfoto 2014-07-24 um 22.31.24

On the same day when Brazil were massacred by Germany in that now historical and unforgettable 7 x 1 match, the Guerreiras Project team were scoring some gender justice goals of our own.

Caitlin Fisher, Beatriz Silva (Bia) and Joanna Burigo participated in the Al Jazeera online show The Stream to discuss how women are portrayed, by the media, in the context of futebol (football/soccer).

Femi Oke, hostess, and Malika Bilal, digital producer of the 30-minute long show were particularly interested in knowing if, and how, the media (including advertising) plays a part in objectifying women and in making, or maintaining, women’s futebol invisible.

This is a topic that’s very close to the Guerreiras’ heart, and we certainly had things to say – including that the objectification of female bodies in the media and the invisibility of the women’s game are deeply related…

Bildschirmfoto 2014-07-24 um 22.33.56

The media chooses to portray certain groups in ways that relay specific values – for example, the media continues to choose to portray women as accessories to futebol. This certainly is built on, and underpins, the generalised notion that the female body exists in the world primarily as an embellishment – as a thing, as an object that is there to, above all, be looked at.

People like to say that women’s futebol is not as popular as men’s futebol on account of three things: lack of investment, lack of promotion, and lack of interest from the audience. Thus we were not surprised when these were exactly the comments that were pouring in from the social media followers of the show. And here at Guerreiras we would be foolish to deny that these things ring true.

But we know that there are reasons underneath those, reasons for this discrepancy, that lie way deeper. We believe that this is a question of gender inequality, of gender injustice. We believe that there is still much resistance to strong, athletic and powerful bodies, when these bodies are women’s bodies. But these women exist. They exist, and they are fighters, and they are demanding the respect they deserve.

These women, who dare to want to be perceived, accepted and celebrated as equals in this male arena that is sport, have found each other and are making their voice heard. And the Guerreiras Project – on Al Jazeera and anywhere else – is here to make sure that these voices get louder and louder.

Bildschirmfoto 2014-07-24 um 22.34.28

No mesmo dia em que o Brasil foi massacrado pela Alemanha naquele histórico e inesquecível 7 x 1, a equipe Guerreiras estava marcando algumas gols próprios, de justiça de gênero.

Caitlin Fisher, Beatriz Silva (Bia) E Joanna Burigo participaram do programa The Stream, da Al Jazeera, para discutir como as mulheres são retratadas, pelos meios de comunicação, no contexto do futebol.

Femi Oke, hostess, e Malika Bilal, produtora digital do programa, estavam particularmente interessadas em saber se, e como, os meios de comunicação (incluindo a publicidade) desempenham um papel no processo de objetificacao das mulheres, bem como em em tornar (ou manter) invisível o futebol de mulheres.

Este é um tema que é muito próximo ao coração das Guerreiras, e nós certamente tinhamos coisas para dizer – incluindo que a objetificação do corpo feminino na mídia e a invisibilidade do futebol feminino estão profundamente relacionados …

A mídia escolhe retratar certos grupos de formas que transmitem valores específicos – por exemplo, a mídia continua escolhendo retratar as mulheres como acessórios no futebol. Isso, certamente, é construído sobre (e sustenta) a noção generalizada de que o corpo feminino existe, no mundo, primordialmente, como um enfeite – como uma coisa, como um objeto que está lá para, acima de tudo, ser olhado.

As pessoas gostam de dizer que o futebol de mulheres não é tão popular como futebol dos homens por conta de três coisas: falta de investimento, falta de promoção, e falta de interesse do público. Assim, não ficamos surpresas quando estes foram exatamente os comentários que foram surgindo via Facebook e Twitter, pela audiencia do show.

Mas aqui no Guerreiras acreditamos que seria tolice negar que essas coisas sejam verdadeiras.

No entanto, sabemos que há razões por debaixo dessas, razões para esta discrepância que se encontram em lugares mais profundos…

Acreditamos que esta é uma questão de desigualdade de gênero, da injustiça de gênero. Acreditamos que ainda há muita resistência em relacao a corpos fortes, atléticos e poderosos, quando estes corpos sao de mulheres. Mas essas mulheres existem. Eles existem, e eles são lutadoras, e eles estão exigindo o respeito que merecem.

Estas mulheres, que se atrevem a quererem ser percebidas, aceitas e celebradas como iguais nessa arena masculina que é o esporte, encontraram umas as outras, e estão fazendo suas vozes serem ouvidas. E o Guerreiras Project – na Al Jazeera e em qualquer outro lugar – está aqui para se certificar de que essas vozes soem cada vez mais alto.

2014 Summit in São Paulo

By Nadja Marin

10534762_824243987600472_182200237175550729_n

The GUERREIRASPROJECT just wrapped up its 2014 Capacitação Summit in São Paulo! The Summit took place over the course of three days and entailed the Guerreiras gender justice training for 14 female futebol players from across Brazil. Players hailed from Rio de Janeiro, Foz de Iguaçu, Porto Alegre and São Paulo. Through voice-building and story-telling activities, combined with gender theory and practice, we explored how our experiences from the pitch as female players can be turned into powerful tools for social change. Each of these women became certified as Guerreiras Ambassadors, now positioned and prepared to deliver the Guerreiras Community Workshop in her region and serve as a local leader of gender justice through football.

10500516_824243720933832_5931956179371027169_n

10527685_824243767600494_4444093221471936160_n